Fest Contrapedal: música, gastronomia e cinema!

16.7.17 ∙ , , , , , , , , ,
Antes de começar mais uma série #RolêSP, vim falar sobre o Fest Contrapedal, que aconteceu nos dias 8 e 9 de julho, em São Paulo, em parceria com o Jardim Secreto Fair, que será tema de outro post pra não ficar mais longo do que já está, haha.

Com dez anos de história no Uruguai, o Festival Contrapedal desembarca em São Paulo nos dias 8 e 9 de julho. O evento, que explora diferentes linguagens, como cinema, música, artes visuais e gastronomia, tem a nova produção artística da América Latina como foco. Por aqui, o evento é patrocinado pela Oi e tem apoio cultural do Oi Futuro e terá a sua programação de shows no Centro Cultural São Paulo e uma festa no Centro Cultural Rio Verde.
Eu não fui para a Mostra Audiovisual, mas quem tiver interesse em assistir os filmes que participaram, anote aí: JAUJA (Lisandro Alonso, 2014), Cinema Novo (Eryk Rocha, 2016), Los Años Azules (Sofía Gómez Córdova, 2017), Clever (Federico Borgia e Guillermo Madeiro, 2015).

A programação musical contou com shows em dois ambientes, com djs no terraço do CCSP e bandas na sala Adoniran Barbosa. No dia 8 as bandas foram:


Sala Adoniran Barbosa:
15h Cuscobayo (BR) + Tagore (BR)
16h Edson Velandia (CO)
17h Miss Garrison (CH)
19h Nomade Orquestra (BR) + Russo Passapusso (BR)


Jardim Suspenso:

14h Dj Barata (BR)
16h Dj Pancho Valdez (BO)


Eu consegui ver o show da Miss Garrison e achei uma vibe Portishead + aquelas bandas que tocam no final do episódio de Twin Peaks, no Bang Bang Bar. A Nomade Orquestra foi uma descoberta incrível, eu realmente não conhecia e a presença do Russo Passapusso, do Baiana System, foi sensacional, energia absurda!


A feira gastronômica tinha expositores da Arepas UrbanikaDi.FôrmaEmpanadas Sabor a MiGourmex TaqueriaLa Cholita e Quirquina. 

À noite, ainda no primeiro dia do festival, rolou festa no Centro Cultural Rio Verde, com:


22h Munchako (BR)
23h MULA (DO)
00h Dani Umpi (UR)
01h Linn da Quebrada (BR) + Mc Xuxu (Br)
02h30 Patricktor4 (Br)

Consegui pegar o finalzinho do show do MULA e pelo pouco que ouvi, acho que vale a pena dar uma pesquisada por curiosidade. Apesar de Linn da Quebrada ter sido a atração principal, eu gostei mesmo foi do show do Dani Umpi, que é muito divertido, a estética da banda é bem interessante, com uma pegada kitsch (que já que falei um pouco aqui) e o som é uma mistura de eletrônica com pop. Desta vez me senti numa trilha de algum filme do Pedro Almodóvar, haha!

 

No dia 9, a programação musical foi esta:


Sala Adoniran Barbosa:
15h Baleia (BR)
16h Franny Glass (UR)
17h Mateo Kingman (EC)
18h Jaloo (BR)

Jardim Suspenso:
14h DJ Flávia Durante (BR)
16h Patricktør4 (BR)


Eu voltei especificamente para ver o show de Jaloo, que só conhecia de nome. Antes disso fiquei encantada com a banda Franny Glass, recomendo muito! 


Sobre o Mateo Kingman eu confesso que até hoje não sei o que acho do som. Então sugiro que busquem lá no Spotify e tirem suas próprias conclusões, haha.


Quanto ao show do Jaloo, deu para entender porque tanta gente o ama. O show é parece uma festa entre amigos e ele tem um carisma gigante, além de ser uma fofura. Que bom que paguei a língua, haha!


Se tiver a oportunidade de participar da próxima edição deste festival, vá! O evento é gratuito, muito organizado e proporciona descobertas incríveis de uma galera aqui do lado que a gente nem conhece. Se quiser ouvir o som de algumas bandas que tocaram lá, siga a playlist que meu querido amigo Edilberto montou lá no Spotify!

Beijo e deixo vocês com outra pessoa que também entendi porque vocês falam tanto, Russo Passapusso, do Baiana System, talvez uma das pessoas mais simpáticas que eu já vi na vida!



Garimpo de Estilo: A$AP Rocky

5.7.17 ∙ , , , , ,
Rakim Mayers, o A$AP ("Always Strive and Prosper") é um rapper nova-iorquino, do Harlem, namorado de apenas: Kendall Jenner e já fez parcerias com Rihanna, Alicia Keys, Lana Del Rey, Sam Smith, Skrillex, Selena Gomez, Drake e Kendrick Lamar. 

Recentemente ele foi garoto-propaganda da marca espanhola LoeweEsse homem se veste tão bem, com direito a looks Gucci, Dior (inclusive, já estrelou até a campanha Dior Homme FW17), Acne Studios, Supreme, que eu nem vou me estender muito escrevendo, vou provar colocando imagens. 
  • Casual:
  • Phyno:
  • Fashionista:
  • Rei das jaquetas bomber:
  • Social:
  • Sobretudo:
  • Looks de show:
  • O que dizer?

E aí, arrasa ou não?

Só precisava melhorar algumas letras e declarações que sai dando por aí, mas em termos de moda ele realmente manda muito bem, hein?


#Publipost: Confira as dicas de makes de O Boticário para arrasar nas festanças

28.6.17 ∙ , , , , , , , ,
Animada com a temporada de “arraiás”? Felipe Moreira, maquiador do Boticário, ensina como brilhar nas quadrilhas com looks a caráter
O Boticário é um parceiro frequente aqui no blog, sempre aparecendo nas datas mais especiais, e não poderia ser diferente agora na época dos festejos juninos. Diante disto, o maquiador Felipe Moreiro trouxe dica de maquiagem incríveis para arrasar nestas festas!

O inverno chega acompanhado de férias escolares e de festas tradicionais. O mês de junho é animado pelas festas “juninas”, marcadas por comidas típicas, decorações coloridas, traje típico e muita animação. Nessa época, os looks ‘’caipiras’’ ficam em alta e, para quem não dispensa uma make arrasadora, é permitido investir numa produção que une o lúdico às tendências da estação. Para ajudá-las nesse momento, o maquiador Felipe Moreiro trouxe inspirações que exploram a temática da temporada. Numa produção tipicamente caipira, apresenta o tom alegre que o momento pede. Confira abaixo o passo a passo:

  • Pele: comece a produção uniformizando a pele com a base líquida mate da linha Intense para uma longa duração. 
  • Em seguida, aplique o corretivo líquido no centro do rosto, criando um efeito de iluminação e disfarçando manchas e olheiras. 
  • Para selar os produtos aplique uma camada leve de compacto na zona T do rosto.
  • Para trazer luz com efeito perolado para a maquiagem, use o iluminador líquidoolhos e rosto. Passe-o nas têmporas, centro do nariz e onde deseja iluminar. 
  • Para as sardas, misture a sombra marrom matte de make B. com a base cor cacau de Color Adapt para garantir a fixação. Aplique com a ajuda de uma escova de dentes, que deve ter a pontinha de suas cerdas imersas na mistura. Posicione a escova a uma distância de um palmo do rosto, puxando as cerdas para criar jatinhos do produto em direção à região do nariz e maçãs do rosto. 
  • Por fim, passe o blush Coral Tropical para um efeito de pele saudável.
  • Olhos: inicie essa etapa com o lápis para sobrancelhas, preenchendo todas as falhas de forma natural e prática. Com a escova acoplada na tampa, esfume e modele os fios. Na sequência, para um olhar glamoroso, esfume os olhos com o quarteto de sombras Neutros Intensos. Em seguida, utilize a máscara de cílios Volume Mega Power. 
  • Para finalizar o look, passe o batom líquido Mate cor Baladeira da linha Intense, e se gostar de brilho, aplique o brilho labial Babado. 

Estilo boho: o que é isso?

26.6.17 ∙ , , , , , , , , , ,
Olá!

Demorei, mas finalmente estou escrevendo este post, cujo tema foi sugerido pela querida Eylla! ❤ Quando rola festival de música, principalmente o Coachella, o boho aparece com força total e vira o "uniforme" das celebridades que frequentam os shows, né? Mas, afinal que estilo é esse?

O boho, palavra derivada do termo "Bohemian of Soho", é um estilo nascido na França, nos anos 1920, decorrente de um movimento liderado por intelectuais que buscavam aliar arte à moda. O Soho em questão é um bairro situado em Londres, que foi o local de destaque deste movimento nas décadas de 1960 e 1970.

Meio hippie, meio étnico, meio folk, o estilo boho traz muitas referências ciganas, mas que pode ser confundido com outros dois bem semelhantes: o gypsy e o folk. Segundo as pesquisas que fiz (em sua maioria, com fontes nada confiáveis, por sinal), achei esta matéria do GNT que apresenta as características de cada um destes estilos: 

  • o gypsy, oriundo da cultura cigana, tem como destaque o uso de peças com cores vivas e elementos artesanais, com tecidos com aplicações e pedrarias, lenços e bordados, por exemplo; 
  • o folk reúne peças rústicas e artesanais, como coletes e tricôs, por conta de sua tradição rural principalmente norte-americana, numa cartela de cores com destaque para os tons terrosos e peças em camurça, com estampa de flores e roupas e acessórios com franjas, combinadas com botas pesadas, numa pegada levemente country;
  • enquanto o boho traz roupas com modelagens mais fluidas, como túnicas, uso de sedas, rendas, acessórios como óculos grandes e o famoso chapéu boho.

Ok, na teoria tudo está ótimo, mas sinceramente, na prática todos estão no mesmo "bolo", porque as diferenças são muito sutis e, em geral, a composição acaba mesclando acessórios e inspirações que, às vezes, pode ser categorizada em qualquer um destes três. Numa matéria da Vogue, por exemplo, a manchete fala sobre como embarcar no clima gypsy, e logo no subtítulo fala sobre aposta em acessórios com estilo boêmio, portanto se a Vogue está dizendo...

Resumidamente, a palavra-chave é fluidez e o resultado são looks como estes (lembrando que não é preciso juntar todos estes traços na produção, mas conter algumas referências):

Pinterest
Pinterest

E aí, o que acharam? 

Eylla querida, espero ter te ajudado, obrigada pela sugestão e por acompanhar o blog, beijo enorme pra você e outro para vocês! 

Dicas de looks no Clube Melissa Jardins

11.6.17 ∙ , , , , ,
Olá!

Fui convidada para participar de uma ação ontem lá no Clube Melissa Jardins dando dicas de looks com Melissas! Adorei a experiência, já que sou fã da marca desde criança e agradeço o convite. A equipe como sempre foi muito maravilhosa, assim como Paula querida, Arianny e Vitória, obrigada a todos que apareceram lá, o dia foi bem movimentado e a loja ficou lotada o dia todo, uma verdadeira correria, haha!

Separei algumas imagens para mostrar o que rolou por lá!
Aproveite e siga o Assimétrico!























Vitória querida apareceu por lá!
Arianny linda, do Meu Xodó Blog, também apareceu por lá naquela simpatia de sempre!

Olhe a fofura que eu conheci lá, a pequena Valentina, que já tem  Instagram e tudo, haha!
As queridas Paula e Cintia, a maior Melisseira deste país e agora vendedora por lá! 
Meu novo amor: a minha escolhida foi a Melissa Stellar marrom